Inicio / Notícias / educacao_cultura_esportes
Notícia
Jogos Escolares Brasileiros: Alunos sergipanos trazem 11 medalhas de bronze nas modalidades Wrestling, Badminton e Atletismo
Foram diversas lutas contra atletas de outros estados do Brasil, com um nível alto de dificuldade
Segunda-Feira, 14 de Novembro de 2022

O Wrestling, uma arte marcial que utiliza técnicas de agarramento como a luta, arremessos e derrubadas, chaves, pinos e outros golpes, foi uma das modalidades esportivas que mais deram medalhas aos alunos atletas sergipanos nos Jogos Escolares Brasileiros, que acontecem no Rio de Janeiro (RJ). Ao todo, os sergipanos conquistaram cinco medalhas de bronze. As disputas aconteceram na Universidade da Força Aérea (Unifa). Foram diversas lutas contra atletas de outros estados do Brasil, com um nível alto de dificuldade.

Todos os cinco atletas sergipanos medalhistas são iniciantes no esporte, e ainda assim conseguiram chegar ao pódio. Foi o caso de Kaio Guilherme Santana Mesquita, de 14 anos, que disputou no estilo luta livre até 52kg e levou a medalha de bronze na série ouro. Ele é aluno do Colégio Americano Batista e mostrou-se emocionado com sua conquista. “Essa medalha tem um grande peso na minha carreira. Eu considero essa a mais importante que eu já ganhei até hoje. Eu tentei no ano passado, mas não consegui, e agora a medalha veio. Fico muito feliz e lisonjeado em representar Sergipe e minha escola", declarou.

Os outros alunos atletas sergipanos que medalharam foram: Guilherme de Jesus Fonseca (Colégio Lavoisier), que ganhou bronze na série ouro; Andressa Beatriz (Colégio Michelângelo); Nicolly Germano (Colégio Lavoisier) e Arthur Pedral (Colégio Santa Maria), sendo esses três últimos medalha de bronze na série prata.

Para a técnica Andreia Benevides, os ganhos vão além das medalhas. "Alguns desses meninos nunca competiram e, por meio do esporte, estão aprendendo a ter disciplina, respeito, trabalhar em equipe, mesmo praticando um esporte individual", disse. Já o técnico Luciano Vieira comemorou bastante a vitória dos alunos. "Os Jogos Escolares Brasileiros foram muito bons. Os meninos competiram neste ano pela primeira vez e lutaram muito bem. Todos estão de parabéns", afirmou.

Badminton e Atletismo

Já no Badminton, mais cinco medalhas: o aluno José Anderson Bispo dos Santos, da Escola Municipal Alice Oliveira, de Frei Paulo, levou para casa duas medalhas de bronze, uma das quais na simples masculina e a outra na dupla mista. Já do Colégio Magnus, de Itabaiana, Antônio Gabriel de Jesus Santos levou uma de bronze na simples masculina; Isabelly dos Santos Novais ganhou bronze na simples feminina; e Maria Stella Almeida Santos conquistou medalha de bronze na dupla mista. Os atletas foram acompanhados pelos técnicos Antônio Barreto da Silva e Denis de Lima Santos Lopes.

No atletismo, Sergipe se despede dos Jogos Escolares Brasileiros com mais uma medalha de bronze, desta vez conquistada pela jovem Alana Mikaela Fontes Santos, da Escola Municipal Costa Melo. Alana tem apenas 13 anos, e sua medalha de bronze foi no salto com vara, tendo como marca a distância de 2 metros e 5 centímetros na prova. Ela estava acompanhada do técnico Devisson dos Santos Silva.

 

Notícia
/ Notícias / educacao_cultura_esportes

Jogos Escolares Brasileiros: Alunos sergipanos trazem 11 medalhas de bronze nas modalidades Wrestling, Badminton e Atletismo
Foram diversas lutas contra atletas de outros estados do Brasil, com um nível alto de dificuldade
Segunda-Feira, 14 de Novembro de 2022

O Wrestling, uma arte marcial que utiliza técnicas de agarramento como a luta, arremessos e derrubadas, chaves, pinos e outros golpes, foi uma das modalidades esportivas que mais deram medalhas aos alunos atletas sergipanos nos Jogos Escolares Brasileiros, que acontecem no Rio de Janeiro (RJ). Ao todo, os sergipanos conquistaram cinco medalhas de bronze. As disputas aconteceram na Universidade da Força Aérea (Unifa). Foram diversas lutas contra atletas de outros estados do Brasil, com um nível alto de dificuldade.

Todos os cinco atletas sergipanos medalhistas são iniciantes no esporte, e ainda assim conseguiram chegar ao pódio. Foi o caso de Kaio Guilherme Santana Mesquita, de 14 anos, que disputou no estilo luta livre até 52kg e levou a medalha de bronze na série ouro. Ele é aluno do Colégio Americano Batista e mostrou-se emocionado com sua conquista. “Essa medalha tem um grande peso na minha carreira. Eu considero essa a mais importante que eu já ganhei até hoje. Eu tentei no ano passado, mas não consegui, e agora a medalha veio. Fico muito feliz e lisonjeado em representar Sergipe e minha escola", declarou.

Os outros alunos atletas sergipanos que medalharam foram: Guilherme de Jesus Fonseca (Colégio Lavoisier), que ganhou bronze na série ouro; Andressa Beatriz (Colégio Michelângelo); Nicolly Germano (Colégio Lavoisier) e Arthur Pedral (Colégio Santa Maria), sendo esses três últimos medalha de bronze na série prata.

Para a técnica Andreia Benevides, os ganhos vão além das medalhas. "Alguns desses meninos nunca competiram e, por meio do esporte, estão aprendendo a ter disciplina, respeito, trabalhar em equipe, mesmo praticando um esporte individual", disse. Já o técnico Luciano Vieira comemorou bastante a vitória dos alunos. "Os Jogos Escolares Brasileiros foram muito bons. Os meninos competiram neste ano pela primeira vez e lutaram muito bem. Todos estão de parabéns", afirmou.

Badminton e Atletismo

Já no Badminton, mais cinco medalhas: o aluno José Anderson Bispo dos Santos, da Escola Municipal Alice Oliveira, de Frei Paulo, levou para casa duas medalhas de bronze, uma das quais na simples masculina e a outra na dupla mista. Já do Colégio Magnus, de Itabaiana, Antônio Gabriel de Jesus Santos levou uma de bronze na simples masculina; Isabelly dos Santos Novais ganhou bronze na simples feminina; e Maria Stella Almeida Santos conquistou medalha de bronze na dupla mista. Os atletas foram acompanhados pelos técnicos Antônio Barreto da Silva e Denis de Lima Santos Lopes.

No atletismo, Sergipe se despede dos Jogos Escolares Brasileiros com mais uma medalha de bronze, desta vez conquistada pela jovem Alana Mikaela Fontes Santos, da Escola Municipal Costa Melo. Alana tem apenas 13 anos, e sua medalha de bronze foi no salto com vara, tendo como marca a distância de 2 metros e 5 centímetros na prova. Ela estava acompanhada do técnico Devisson dos Santos Silva.