Inicio / Notícias / educacao_cultura_esportes
Notícia
Estudantes vencedores do concurso Avie! Artes Visuais na Escola recebem premiações
Idealizado em 2016, a ação tem como um dos seus principais objetivos ser uma vitrine dos trabalhos em artes visuais dos alunos da rede estadual de ensino.
Quarta-Feira, 13 de Janeiro de 2021

Os três estudantes que venceram o concurso da Exposição Avie! Artes Visuais na Escola, receberam nessa terça-feira(12), um prêmio em reconhecimento ao trabalho artístico desenvolvido para a edição especial do projeto que comemorou os 200 anos de emancipação política de Sergipe. Criada pela Secretaria de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura (Seduc), a iniciativa contou ainda com o lançamento da Galeria Virtual Avie!, que abriga as obras mais representativas nas áreas de desenho, pintura, escultura, gravura, ilustração digital e fotografia. Os jovens foram agraciados com um Kindle 10ª geração (leitor de livros digitais) e um certificado de participação.

Em primeiro lugar ficou a aluna Érica Dayanne de Amorim, do Centro de Excelência Dom Luciano José Cabral Duarte, de Aracaju; na segunda colocação, ficou o estudante Leonardo Vieira, do Centro de Excelência Joana de Freitas Barbosa, em Propriá; e em terceiro lugar, o jovem Kawan Cleyton Andrade, do Colégio Estadual Gilberto Freire, em Nossa Senhora do Socorro. Ao todo, 67 estudantes se inscreveram no projeto Avie!, trinta dos quais foram selecionados para a fase classificatória que premiou os 11 melhores trabalhos.

Idealizado em 2016, a ação tem como um dos seus principais objetivos ser uma vitrine dos trabalhos em artes visuais dos alunos da rede estadual de ensino.

O coordenador do concurso, Marcelo Prudente, que fez a entrega dos prêmios, destacou a qualidade técnica dos trabalhos. “No momento fizemos o registro da entrega, respeitando os protocolos de distanciamento social, com os devidos cuidados, acreditando que o leitor de livros digitais poderá auxiliar os estudantes na leitura escolar e de lazer. Foi uma escolha difícil para o júri técnico e artístico decidir por apenas três estudantes a serem premiados, e o resultado final teve uma diferença pequena na pontuação, devido à qualidade dos trabalhos apresentados. Todos souberam usar bem a técnica, criatividade e apresentar sua visão sobre Sergipe, homenageando o Estado em seu bicentenário”.

Estreando em concursos culturais, a aluna Érica Dayanne de Amorim, que conquistou o primeiro lugar no projeto Avie!, conta que ficou surpresa e feliz ao saber do resultado. “Eu sempre tive os desenhos como hobby, e ver esse meu trabalho se expandindo é muito bom e motivador.  Isso aconteceu graças à minha família, que sempre me apoiou em tudo o que eu faço, e à minha professora de Arte, Wilma, que foi a minha ponte para o concurso. Essa experiência me deu um empurrãozinho para testar coisas novas e expandir um pouco. Espero conseguir participar mais vezes e espero que outras pessoas também tenham a experiência que eu tive”, disse.

Sobre a inspiração, a jovem aluna do 1º ano do ensino médio em tempo integral relatou o que decidiu retratar na obra: “Faz pouquíssimo tempo que moro aqui em Sergipe. Quando vi o tema da exposição, pensei em tentar transmitir um pouco da cultura aqui por meio do desenho de que eu mais gosto, os retratos. No início fiquei um pouco insegura quanto a isso por não saber o que iriam pensar quanto à pintura, mas que bom que deu tudo certo e interpretaram exatamente da forma que era para ser interpretado”, disse Érica Dayanne, que é natural do município Dois Riachos/AL.

O estudante Leonardo Vieira também ficou contente com o reconhecimento. “Eu conheci o Avie! por meio da escola quando recebi uma mensagem me informando que haveria o lançamento de uma galeria virtual com as obras dos estudantes. Desde o primeiro momento me interessei muito em participar, pois sempre fui apaixonado por arte, pintura e desenho. Todo evento relacionado à arte e à cultura de Sergipe me cativa imensamente. Minha paixão com o desenho nasceu desde a infância e se expandiu ainda mais nos últimos anos até eu decidir que tenho o desejo de trabalhar nesse meio. Contudo, reconheço que muitas vezes a arte é desvalorizada no nosso país e na nossa região, e por este motivo o projeto tem uma importância enorme na propagação da arte no nosso estado, dando oportunidades para diversos jovens de compartilharem seus trabalhos”, declarou.

“Fiz minha inscrição com uma ilustração dos Lambe-Sujos e Caboclinhos, personalidades de um grande evento cultural de Sergipe que representa o período do Brasil Colônia e a disputa entre dois povos com uma rica história. As características visuais e as representações históricas foram o que mais me chamou a atenção nessa festividade. Escolhi retratar na minha obra o momento da batalha, com destaque no Rei do Quilombo e no Cacique. Selecionei cores que condizem com os personagens, predominando o preto e o vermelho, e prestei atenção aos ricos detalhes nas roupas. Apesar de ainda existirem outros personagens e diferentes momentos, busquei capturar a essência do evento que celebra a nossa cultura sergipana”, concluiu Leonardo Vieira, segundo colocado no concurso.

Acesse a galeria virtual Avie! e conheça as obras: www.projetoavie.com.br

Notícia
/ Notícias / educacao_cultura_esportes

Estudantes vencedores do concurso Avie! Artes Visuais na Escola recebem premiações
Idealizado em 2016, a ação tem como um dos seus principais objetivos ser uma vitrine dos trabalhos em artes visuais dos alunos da rede estadual de ensino.
Quarta-Feira, 13 de Janeiro de 2021

Os três estudantes que venceram o concurso da Exposição Avie! Artes Visuais na Escola, receberam nessa terça-feira(12), um prêmio em reconhecimento ao trabalho artístico desenvolvido para a edição especial do projeto que comemorou os 200 anos de emancipação política de Sergipe. Criada pela Secretaria de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura (Seduc), a iniciativa contou ainda com o lançamento da Galeria Virtual Avie!, que abriga as obras mais representativas nas áreas de desenho, pintura, escultura, gravura, ilustração digital e fotografia. Os jovens foram agraciados com um Kindle 10ª geração (leitor de livros digitais) e um certificado de participação.

Em primeiro lugar ficou a aluna Érica Dayanne de Amorim, do Centro de Excelência Dom Luciano José Cabral Duarte, de Aracaju; na segunda colocação, ficou o estudante Leonardo Vieira, do Centro de Excelência Joana de Freitas Barbosa, em Propriá; e em terceiro lugar, o jovem Kawan Cleyton Andrade, do Colégio Estadual Gilberto Freire, em Nossa Senhora do Socorro. Ao todo, 67 estudantes se inscreveram no projeto Avie!, trinta dos quais foram selecionados para a fase classificatória que premiou os 11 melhores trabalhos.

Idealizado em 2016, a ação tem como um dos seus principais objetivos ser uma vitrine dos trabalhos em artes visuais dos alunos da rede estadual de ensino.

O coordenador do concurso, Marcelo Prudente, que fez a entrega dos prêmios, destacou a qualidade técnica dos trabalhos. “No momento fizemos o registro da entrega, respeitando os protocolos de distanciamento social, com os devidos cuidados, acreditando que o leitor de livros digitais poderá auxiliar os estudantes na leitura escolar e de lazer. Foi uma escolha difícil para o júri técnico e artístico decidir por apenas três estudantes a serem premiados, e o resultado final teve uma diferença pequena na pontuação, devido à qualidade dos trabalhos apresentados. Todos souberam usar bem a técnica, criatividade e apresentar sua visão sobre Sergipe, homenageando o Estado em seu bicentenário”.

Estreando em concursos culturais, a aluna Érica Dayanne de Amorim, que conquistou o primeiro lugar no projeto Avie!, conta que ficou surpresa e feliz ao saber do resultado. “Eu sempre tive os desenhos como hobby, e ver esse meu trabalho se expandindo é muito bom e motivador.  Isso aconteceu graças à minha família, que sempre me apoiou em tudo o que eu faço, e à minha professora de Arte, Wilma, que foi a minha ponte para o concurso. Essa experiência me deu um empurrãozinho para testar coisas novas e expandir um pouco. Espero conseguir participar mais vezes e espero que outras pessoas também tenham a experiência que eu tive”, disse.

Sobre a inspiração, a jovem aluna do 1º ano do ensino médio em tempo integral relatou o que decidiu retratar na obra: “Faz pouquíssimo tempo que moro aqui em Sergipe. Quando vi o tema da exposição, pensei em tentar transmitir um pouco da cultura aqui por meio do desenho de que eu mais gosto, os retratos. No início fiquei um pouco insegura quanto a isso por não saber o que iriam pensar quanto à pintura, mas que bom que deu tudo certo e interpretaram exatamente da forma que era para ser interpretado”, disse Érica Dayanne, que é natural do município Dois Riachos/AL.

O estudante Leonardo Vieira também ficou contente com o reconhecimento. “Eu conheci o Avie! por meio da escola quando recebi uma mensagem me informando que haveria o lançamento de uma galeria virtual com as obras dos estudantes. Desde o primeiro momento me interessei muito em participar, pois sempre fui apaixonado por arte, pintura e desenho. Todo evento relacionado à arte e à cultura de Sergipe me cativa imensamente. Minha paixão com o desenho nasceu desde a infância e se expandiu ainda mais nos últimos anos até eu decidir que tenho o desejo de trabalhar nesse meio. Contudo, reconheço que muitas vezes a arte é desvalorizada no nosso país e na nossa região, e por este motivo o projeto tem uma importância enorme na propagação da arte no nosso estado, dando oportunidades para diversos jovens de compartilharem seus trabalhos”, declarou.

“Fiz minha inscrição com uma ilustração dos Lambe-Sujos e Caboclinhos, personalidades de um grande evento cultural de Sergipe que representa o período do Brasil Colônia e a disputa entre dois povos com uma rica história. As características visuais e as representações históricas foram o que mais me chamou a atenção nessa festividade. Escolhi retratar na minha obra o momento da batalha, com destaque no Rei do Quilombo e no Cacique. Selecionei cores que condizem com os personagens, predominando o preto e o vermelho, e prestei atenção aos ricos detalhes nas roupas. Apesar de ainda existirem outros personagens e diferentes momentos, busquei capturar a essência do evento que celebra a nossa cultura sergipana”, concluiu Leonardo Vieira, segundo colocado no concurso.

Acesse a galeria virtual Avie! e conheça as obras: www.projetoavie.com.br