Inicio / Notícias / saude
Notícia
Ipesaúde celebra Dia das Crianças e reforça acolhimento aos mais de 18 mil beneficiários de 0 a 14 anos
Autarquia fortalece os serviços pediátricos e oferece diversas especialidades nas unidades próprias e rede credenciada
Sexta-Feira, 11 de Outubro de 2019

Garantir ao filho uma assistência em saúde qualificada, para que ele viva a infância da melhor maneira possível. Esse é o objetivo de Luana Santos, mãe do Joaquim Santos. “Meu filho tem 4 anos e é muito bem acolhido aqui desde que nasceu. Tem à disposição vários profissionais, a quem eu devo muitos agradecimentos. Esse acompanhamento é essencial para toda criança. Joaquim é um menino saudável, mas a rotina de cuidados não deve ser deixada de lado nunca. Não só o serviço, mas o espaço físico da pediatria do Ipesaúde também trouxe muitas melhorias”, conta Luana Santos.

O Ipesaúde fortalece os serviços pediátricos para atender mais de 18 mil beneficiários de 0 a 14 anos. Na sede da autarquia, o setor de pediatria passou por mudanças importantes, a começar pelo novo local, que desde de 2018 funciona no térreo da sede da autarquia, rua Campos, 177, em Aracaju. Acessível, climatizado, nos padrões de acessibilidade, com fraldário, consultórios e espaço para recreação, o setor oferece várias especialidades, a exemplo de cardiologia, pneumologia, gastroenterologia, neurologia, fonoaudiologia, psicologia, fisioterapia e odontologia. As unidades do interior também estão passando por ampliação na oferta dos serviços para atender diferentes regiões.

Foi com o sentimento de carinho, atenção e cuidado, que a beneficiária Ana Kátia, assim que soube da possibilidade de adesão de descendentes depois da lei aprovada em julho de 2018 incluiu a neta, Ana Vitória. “Há 7 meses minha netinha passou utilizar os serviços e o que posso dizer é que temos médicos atenciosos e todos os exames vem sendo realizados a contento. Espero que melhore cada vez mais, pois todas as crianças merecem”, disse.

Semana da Criança

Ao londo da semana, de 7 a 11 de outubro, várias ações voltadas ao público infantil foram realizadas no Ipesaúde. Durante a manhã da quarta-feira (9), na praça localizada na sede da autarquia, ocorreram muitas atividades lúdicas como pinturas de rosto, quebra-cabeça, cama elástica, brincadeiras que fomentavam interação, além da participação da equipe do Centro Odontológico, que orientou sobre cuidados com a saúde bucal. De acordo com a cirurgiã-dentista, Aline Lima, a prevenção é extremamente necessária.

“Hoje estamos participando dessa ação com objetivo de trazer um pouco do trabalho que já é desenvolvido no Centro Odontológico e não compreende apenas as crianças. Os pais também participam e saem daqui com as maiores das dúvidas esclarecidas. Os processos são diferentes para cada tipo de pessoa, como pacientes especiais entre tantos outros que são acolhidos pela equipe”, explica Aline Lima.

Leonardo Oliveira tem 3 anos e passou a ser paciente da unidade odontológica, como conta a mãe, Rosineide Oliveira. “Desde que soubemos que ele era autista, além do atendimento que já vinha sendo realizado, os profissionais perceberam a necessidade do acompanhamento odontológico. A atenção que ele recebe é muito grande, principalmente por ficar um pouco agitado na hora do atendimento”, comenta.

Reabilitação

O Centro de Reabilitação do Ipesaúde possui atendimento multidisciplinar, que corrobora na melhora da condição física e motora dos pacientes. As crianças que são assistidas pela unidade possuem as mais variadas necessidades de acolhimento. Simone de Jesus acompanha sua filha de 9 anos, Alexia Monielle, e fala sobre o serviço.

“Eu tenho duas filhas que são beneficiárias do Ipesaúde desde que nasceram, Alexia de 9 anos e Ariele de 2. A mais velha é portadora de uma síndrome rara e há 2 anos está sob os cuidados da equipe do Centro de Reabilitação. Da fonoaudiologia à terapia ocupacional, minha filha é muito bem cuidada e fico emocionada em ver tantos avanços no desenvolvimento dela. Hoje ela interage, escreve algumas palavras e a cada momento nos surpreende com um processo evolutivo muito encantador. Isso nos motiva a seguir lutando pela saúde dos nossos filhos. Esse momento recreativo é mais do que importante para eles. Todos os anos eu faço questão de participar e aproveito para agradecer o compromisso de todos que trabalham pela alegria dos nossos pequenos”, finaliza Simone.