Inicio / Notícias / governo
Notícia
Covid-19:  Média de óbitos cai, mas números ainda são preocupantes em Sergipe
Quarta-Feira, 22 de Julho de 2020

O número de óbitos por Covid-19 em Sergipe tem caído nos últimos dias, mas ainda é elevado, segundo avaliação de especialistas. O estado registrou diminuição do número médio de óbitos por duas semanas consecutivas.

De acordo com levantamento da  Observatório de Sergipe, órgão vinculado à Secretaria de Estado do Planejamento, Orçamento e Gestão (Seplag), na semana epidemiológica de 28 de junho a 4 de julho, foi registrada média de 25 óbitos por dia. Na semana seguinte, houve uma leve queda com 23 óbitos/dia. E na última semana epidemiológica, que corresponde ao período de 12 a 18 de julho, Sergipe apresentou média de, aproximadamente, 20 óbitos por dia, levando-se em consideração as mortes ainda em investigação.

O estudo usou como indicador a média móvel de 7 dias, que permite uma leitura mais precisa da pandemia e ajuda a compreender melhor o comportamento da doença. 

“O número de óbitos ainda é muito alto. É preciso aguardar a evolução nas próximas semanas porque a epidemia é muito dinâmica e esse quadro pode mudar de uma hora para outra”, declarou o coordenador do Observatório de Sergipe, Ciro Brasil.

De acordo com análise do Observatório, o número de casos semanais de pessoas infectadas ainda está aumentando em Sergipe, mas num ritmo cada vez menor. Na semana epidemiológica de 5 a 11 de julho, foi registrado um total de 6.437 novos casos de contaminados pela covid-19. Ja na última semana epidemiológica (de 12 a 18 de julho), 7.026 novos casos. Um aumento de 9% no número de contaminados. Quase metade dos novos casos foi registrado no interior do estado.

O governador Belivaldo Chagas, que cumpre isolamento social por conta da Covid, pediu cautela na leitura dos números. “É uma notícia que deve ser celebrada com muita moderação. Enquanto o risco para as pessoas for alto, a população precisa estar atenta às orientações da saúde para conter a proliferação do novo coronavírus, fazendo uso de máscara e obedecendo ao distanciamento social”, afirmou o governador.

Notícia
/ Notícias / governo

Covid-19:  Média de óbitos cai, mas números ainda são preocupantes em Sergipe
Quarta-Feira, 22 de Julho de 2020

O número de óbitos por Covid-19 em Sergipe tem caído nos últimos dias, mas ainda é elevado, segundo avaliação de especialistas. O estado registrou diminuição do número médio de óbitos por duas semanas consecutivas.

De acordo com levantamento da  Observatório de Sergipe, órgão vinculado à Secretaria de Estado do Planejamento, Orçamento e Gestão (Seplag), na semana epidemiológica de 28 de junho a 4 de julho, foi registrada média de 25 óbitos por dia. Na semana seguinte, houve uma leve queda com 23 óbitos/dia. E na última semana epidemiológica, que corresponde ao período de 12 a 18 de julho, Sergipe apresentou média de, aproximadamente, 20 óbitos por dia, levando-se em consideração as mortes ainda em investigação.

O estudo usou como indicador a média móvel de 7 dias, que permite uma leitura mais precisa da pandemia e ajuda a compreender melhor o comportamento da doença. 

“O número de óbitos ainda é muito alto. É preciso aguardar a evolução nas próximas semanas porque a epidemia é muito dinâmica e esse quadro pode mudar de uma hora para outra”, declarou o coordenador do Observatório de Sergipe, Ciro Brasil.

De acordo com análise do Observatório, o número de casos semanais de pessoas infectadas ainda está aumentando em Sergipe, mas num ritmo cada vez menor. Na semana epidemiológica de 5 a 11 de julho, foi registrado um total de 6.437 novos casos de contaminados pela covid-19. Ja na última semana epidemiológica (de 12 a 18 de julho), 7.026 novos casos. Um aumento de 9% no número de contaminados. Quase metade dos novos casos foi registrado no interior do estado.

O governador Belivaldo Chagas, que cumpre isolamento social por conta da Covid, pediu cautela na leitura dos números. “É uma notícia que deve ser celebrada com muita moderação. Enquanto o risco para as pessoas for alto, a população precisa estar atenta às orientações da saúde para conter a proliferação do novo coronavírus, fazendo uso de máscara e obedecendo ao distanciamento social”, afirmou o governador.