Inicio / Notícias / educacao_cultura_esportes
Notícia
Delegação de Sergipe encerra participação nos Jogos Escolares Brasileiros e traz 26 medalhas
Os Jebs aconteceram no período de 2 a 14 de novembro, no Rio de Janeiro
Quarta-Feira, 16 de Novembro de 2022

Os alunos atletas sergipanos que participaram dos Jogos Escolares Brasileiros (Jebs) retornaram do Rio de Janeiro trazendo na mala 26 medalhas, conquistadas com muito suor nas diversas modalidades esportivas disputadas. Os Jebs aconteceram no período de 2 a 14 de novembro, na capital carioca. A delegação de Sergipe esteve presente com, ao todo, 258 pessoas, 192 das quais atletas, 47 técnicos e 19 dirigentes, entre chefe de delegação, coordenadores, oficiais, fisioterapeutas, jornalistas e fotógrafos. O evento foi promovido pela Confederação Brasileira do Desporto Escolar (CBDE), que também bancou passagens aéreas, hospedagem e alimentação dos atletas de todo o Brasil.

A superintendente especial de Esportes, Mariana Dantas, destacou a contribuição do Governo de Sergipe para assitência da delegação. "O governador Belivaldo Chagas incrementou a nossa delegação no sentido de possibilitar com que pudéssemos trazer mais oficiais do que era disponibilizado”, disse na primeira reunião com os alunos e professores, em 2 de novembro.

Foram disputadas, ao todo, 16 modalidades, entre individuais e coletivas: atletismo, badminton, ciclismo, ginástica artística, ginástica rítmica, judô, karatê, natação, tênis de mesa, vôlei de praia, wrestling, xadrez, basquetebol, futsal, handebol e voleibol. As competições de luta foram as que deram medalhas de ouro a Sergipe, sendo uma no karatê, com o aluno João Paulo Santos Amaral, e outra no judô, com Márcio Roberto. Além dessas, foram 19 medalhas de bronze e cinco de prata.

Os jogos foram disputados em competições acirradas, que levaram os alunos sergipanos a subirem no pódio diversas vezes nas cerimônias de premiação. De acordo com o chefe da delegação e coordenador de Esporte Educacional, Wendel Ribeiro, os Jebs foram especiais, um momento de reconhecimento do trabalho realizado por atletas, professores e gestores durante todo o ano.

“Foi nesse espírito de dar o máximo que conquistamos essa histórica marca de 26 medalhas. Foram 11 as modalidades em que Sergipe subiu ao pódio neste ano. Isso mostra que investimento no apoio ao esporte educacional vem dando certo em Sergipe, pois fomos protagonistas e elevamos nossa bandeira onde passamos, sempre com respeito e muita alegria. Agora é traçar novas metas e através do planejamento da equipe da Superintendência Especial de Esportes buscar resultados ainda mais ousados. Claro que sempre no foco de gerar oportunidade de vida aos nossos alunos atletas, queremos abrir os olhos deles e mostrar que podem sonhar com o que quiserem e, principalmente, que podem conquistá-los", declarou.

Notícia
/ Notícias / educacao_cultura_esportes

Delegação de Sergipe encerra participação nos Jogos Escolares Brasileiros e traz 26 medalhas
Os Jebs aconteceram no período de 2 a 14 de novembro, no Rio de Janeiro
Quarta-Feira, 16 de Novembro de 2022

Os alunos atletas sergipanos que participaram dos Jogos Escolares Brasileiros (Jebs) retornaram do Rio de Janeiro trazendo na mala 26 medalhas, conquistadas com muito suor nas diversas modalidades esportivas disputadas. Os Jebs aconteceram no período de 2 a 14 de novembro, na capital carioca. A delegação de Sergipe esteve presente com, ao todo, 258 pessoas, 192 das quais atletas, 47 técnicos e 19 dirigentes, entre chefe de delegação, coordenadores, oficiais, fisioterapeutas, jornalistas e fotógrafos. O evento foi promovido pela Confederação Brasileira do Desporto Escolar (CBDE), que também bancou passagens aéreas, hospedagem e alimentação dos atletas de todo o Brasil.

A superintendente especial de Esportes, Mariana Dantas, destacou a contribuição do Governo de Sergipe para assitência da delegação. "O governador Belivaldo Chagas incrementou a nossa delegação no sentido de possibilitar com que pudéssemos trazer mais oficiais do que era disponibilizado”, disse na primeira reunião com os alunos e professores, em 2 de novembro.

Foram disputadas, ao todo, 16 modalidades, entre individuais e coletivas: atletismo, badminton, ciclismo, ginástica artística, ginástica rítmica, judô, karatê, natação, tênis de mesa, vôlei de praia, wrestling, xadrez, basquetebol, futsal, handebol e voleibol. As competições de luta foram as que deram medalhas de ouro a Sergipe, sendo uma no karatê, com o aluno João Paulo Santos Amaral, e outra no judô, com Márcio Roberto. Além dessas, foram 19 medalhas de bronze e cinco de prata.

Os jogos foram disputados em competições acirradas, que levaram os alunos sergipanos a subirem no pódio diversas vezes nas cerimônias de premiação. De acordo com o chefe da delegação e coordenador de Esporte Educacional, Wendel Ribeiro, os Jebs foram especiais, um momento de reconhecimento do trabalho realizado por atletas, professores e gestores durante todo o ano.

“Foi nesse espírito de dar o máximo que conquistamos essa histórica marca de 26 medalhas. Foram 11 as modalidades em que Sergipe subiu ao pódio neste ano. Isso mostra que investimento no apoio ao esporte educacional vem dando certo em Sergipe, pois fomos protagonistas e elevamos nossa bandeira onde passamos, sempre com respeito e muita alegria. Agora é traçar novas metas e através do planejamento da equipe da Superintendência Especial de Esportes buscar resultados ainda mais ousados. Claro que sempre no foco de gerar oportunidade de vida aos nossos alunos atletas, queremos abrir os olhos deles e mostrar que podem sonhar com o que quiserem e, principalmente, que podem conquistá-los", declarou.