Inicio / Notícias / Governo
Notícia
Fábio discute fomento da carcinicultura para desenvolvimento do Baixo São Francisco
O objetivo é investir no fortalecimento e na ampliação da carcinicultura por meio da capacitação e assistência técnica para atuação regular de produtores e para minimizar os impactos ambientais da atividade, com foco na recuperação de áreas degradadas
Terça-Feira, 24 de Janeiro de 2023

O governador de Sergipe, Fábio Mitidieri, discutiu projeto de fomento de carcinicultura no Baixo São Francisco com deputados estaduais e federais eleitos, prefeitos, ex-prefeitos e ex-vereadores dos municípios da região. A reunião ocorreu nesta terça-feira, 24, no Palácio dos Despachos, e contou com a presença de representantes da Cooperativa de Aquicultores do Baixo São Francisco (Copa), da Associação Norte Sergipana de Aquicultura (Ansa) e da Colônia de Pescadores de Neópolis e Região, representando produtores de Brejo Grande, Pacatuba e Ilha das Flores.

De acordo com o relatório de demandas apresentado, a salinização das águas do rio São Francisco inviabiliza a rizicultura em Brejo Grande. Isso fez com que os produtores migrassem para a carcinicultura. Atualmente, no município de Pacatuba, existem 2.350 hectares de viveiros licenciados instalados e em operação. Portanto, com as condições ideais de salinidade da água alcançadas haverá fortalecimento da plena produtividade dessas áreas de cultivo, transformando a realidade econômica, social e ambiental dos municípios que compõem o Baixo São Francisco e possibilitando que a cadeia produtiva estimule o surgimento de novas empresas para a prestação de serviços e indústrias, resultando na criação de novas vagas no mercado de trabalho.

Além disso, os participantes da reunião solicitaram o apoio da atual gestão a respeito da nova delimitação territorial do município de Brejo Grande, estabelecida pelo Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) que, segundo o relatório, comprometerá o desenvolvimento da região, inibindo a cadeia produtiva já instalada e em operação, com potencial para alçar o estado de Sergipe ao maior produtor do país.

Compromisso

O fomento à atividade da carcinicultura é um dos compromissos do programa de governo de Fábio. O objetivo é investir no fortalecimento e na ampliação da carcinicultura por meio da capacitação e assistência técnica para atuação regular de produtores e para minimizar os impactos ambientais da atividade, com fomento da recuperação de áreas degradadas. Também faz parte do Plano de Governo a ampliação do programa Mão Amiga e do número de trabalhadores beneficiados em todas as regiões do estado, com incentivos à abertura de novos postos de trabalho e oportunidades de emprego e renda, inclusive da pesca e da rizicultura do Baixo São Francisco.

Ampliar o cardápio da alimentação escolar na rede estadual de ensino, incluindo, alimentos típicos de Sergipe, como o camarão e mariscos, garantindo a complementação dos valores destinados pelo Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE), também é compromisso de Fábio, juntamente com o investimento no fortalecimento da cadeia de produção, incentivando a formação de cooperativas e de agroindústrias para o beneficiamento do camarão e sua casca, agregando valor ao produto.

Fábio assegurou que levará as demandas apresentadas ao ministro do Desenvolvimento Agrário (MDA), Paulo Teixeira, com quem se reunirá nesta quarta-feira, 25, em Brasília.

“Esta é uma pauta que não se finda apenas no governo estadual, ela depende quase que exclusivamente do Governo Federal, o que não tira nossa legitimidade de intermediar. Por isso, vamos marcar uma segunda audiência, desta vez com a presença do Incra nacional, para ampliarmos o debate sobre os assuntos aqui pautados”, ressaltou, Fábio, informando que pretende implementar a ampliação do Projeto Mão Amiga, além de reforçar o projeto que vai inserir o camarão na merenda escolar.

Notícia
/ Notícias / Governo

Fábio discute fomento da carcinicultura para desenvolvimento do Baixo São Francisco
O objetivo é investir no fortalecimento e na ampliação da carcinicultura por meio da capacitação e assistência técnica para atuação regular de produtores e para minimizar os impactos ambientais da atividade, com foco na recuperação de áreas degradadas
Terça-Feira, 24 de Janeiro de 2023

O governador de Sergipe, Fábio Mitidieri, discutiu projeto de fomento de carcinicultura no Baixo São Francisco com deputados estaduais e federais eleitos, prefeitos, ex-prefeitos e ex-vereadores dos municípios da região. A reunião ocorreu nesta terça-feira, 24, no Palácio dos Despachos, e contou com a presença de representantes da Cooperativa de Aquicultores do Baixo São Francisco (Copa), da Associação Norte Sergipana de Aquicultura (Ansa) e da Colônia de Pescadores de Neópolis e Região, representando produtores de Brejo Grande, Pacatuba e Ilha das Flores.

De acordo com o relatório de demandas apresentado, a salinização das águas do rio São Francisco inviabiliza a rizicultura em Brejo Grande. Isso fez com que os produtores migrassem para a carcinicultura. Atualmente, no município de Pacatuba, existem 2.350 hectares de viveiros licenciados instalados e em operação. Portanto, com as condições ideais de salinidade da água alcançadas haverá fortalecimento da plena produtividade dessas áreas de cultivo, transformando a realidade econômica, social e ambiental dos municípios que compõem o Baixo São Francisco e possibilitando que a cadeia produtiva estimule o surgimento de novas empresas para a prestação de serviços e indústrias, resultando na criação de novas vagas no mercado de trabalho.

Além disso, os participantes da reunião solicitaram o apoio da atual gestão a respeito da nova delimitação territorial do município de Brejo Grande, estabelecida pelo Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) que, segundo o relatório, comprometerá o desenvolvimento da região, inibindo a cadeia produtiva já instalada e em operação, com potencial para alçar o estado de Sergipe ao maior produtor do país.

Compromisso

O fomento à atividade da carcinicultura é um dos compromissos do programa de governo de Fábio. O objetivo é investir no fortalecimento e na ampliação da carcinicultura por meio da capacitação e assistência técnica para atuação regular de produtores e para minimizar os impactos ambientais da atividade, com fomento da recuperação de áreas degradadas. Também faz parte do Plano de Governo a ampliação do programa Mão Amiga e do número de trabalhadores beneficiados em todas as regiões do estado, com incentivos à abertura de novos postos de trabalho e oportunidades de emprego e renda, inclusive da pesca e da rizicultura do Baixo São Francisco.

Ampliar o cardápio da alimentação escolar na rede estadual de ensino, incluindo, alimentos típicos de Sergipe, como o camarão e mariscos, garantindo a complementação dos valores destinados pelo Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE), também é compromisso de Fábio, juntamente com o investimento no fortalecimento da cadeia de produção, incentivando a formação de cooperativas e de agroindústrias para o beneficiamento do camarão e sua casca, agregando valor ao produto.

Fábio assegurou que levará as demandas apresentadas ao ministro do Desenvolvimento Agrário (MDA), Paulo Teixeira, com quem se reunirá nesta quarta-feira, 25, em Brasília.

“Esta é uma pauta que não se finda apenas no governo estadual, ela depende quase que exclusivamente do Governo Federal, o que não tira nossa legitimidade de intermediar. Por isso, vamos marcar uma segunda audiência, desta vez com a presença do Incra nacional, para ampliarmos o debate sobre os assuntos aqui pautados”, ressaltou, Fábio, informando que pretende implementar a ampliação do Projeto Mão Amiga, além de reforçar o projeto que vai inserir o camarão na merenda escolar.